top of page

Ações ambientais em Massarandupió movimentam a região

A comunidade local e naturistas celebram o Dia do Rio no litoral norte da Bahia

Diversas associações e estabelecimentos comerciais com atuação em Massarandupió, se unem em prol de eventos de limpeza e consciência ambiental nas praias e rios. AMAM - Associação de Moradores e Amigos de Massarandupió, AMANAT - Associação Massarandupiana de Naturismo e Instituto Restinga estão organizando atividades referentes ao Dia do Rio, cuja data estabelecida nacionalmente é 24 de novembro. O evento ocorrerá na região de Massarandupió, município de Entre Rios, Bahia, muito conhecida pelas suas belas praias, incluindo uma para a prática do naturismo. O evento durará 3 dias e contará com diversos patrocínios de pousadas, bares e associações locais. A abertura foi na sexta-feira, 24 de novembro, à noite, no famoso Point do Vaval na vila de Massarandupió, com a conscientização da população e frequentadores do local. No sábado, dia 25 pela manhã, ocorrerá a limpeza do rio, em frente às praias convencionais. No domingo, dia 26, será a vez do rio da Praia Naturista das Dunas ser limpo, com a presença somente de naturistas, exceto as pessoas que prestam serviços nos bares naturistas e dos profissionais públicos, como bombeiros e policiais.


É a segunda vez que as três associações, sem fins lucrativos, organizam juntamente um evento ambiental nessa região. O primeiro foi um mutirão no Dia Mundial da Limpeza, estabelecido pelo Instituto Limpa Brasil com atuação nacional, que ocorreu de 15 a 17 de setembro de 2023 em Massarandupió, quando foram coletadas mais de 2 toneladas de lixo. As ações ocorreram na vila, na praia, incluindo a parte naturista, e nas estradas próximas. Houve também uma ação de coleta, na sexta-feira dia 15 de setembro, realizada pelas crianças da vila, que depois conversaram, sobre o uso consciente do plástico, com um voluntário conhecedor do assunto. Outros grupos participaram das ações nas praias e em outros pontos próximos, como um trecho da Linha Verde: Quilombo de Massarandupió, Matuim Futebol Clube e os grupos naturistas do Ecoparque da Mata e da Ecovila da Mata.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O principal motivo dessas forças-tarefas é a situação precária da coleta de lixo no município de Entre Rios. Não existe coleta seletiva e o sistema de coleta é altamente conservador e insuficiente, principalmente no litoral, ou seja, a população enfrenta um problema sério de saúde pública. Em diversos períodos, o lixo tem uma relação de convivência entre os animais e as nascentes dos rios. Outro exemplo de descaso é o grande volume de óleo bruto derramado nas praias em 2019, que jamais foi recolhido e hoje faz parte do ecossistema das praias e arredores. Já foram expedidas vária solicitações para a Prefeitura e suas Secretarias, mas não há resposta efetiva para solucionar o problema. Dessa forma, a comunidade de Massarandupió clama por intervenção e medidas urgentes de outros órgãos de apoio ao meio ambiente e à saúde pública. As três associações continuarão mantendo reuniões frequentes para realização de novos eventos ambientais e solicitações para os órgãos com competência, para trazer qualidade de vida para a região.


Conheça o trabalho das três associações.


Cada uma das associações, possui trabalhos relevantes para a região de Massarandupió, que, com suas belas paisagens com praia e rio, fica localizada no litoral norte baiano. Há uma vila que leva o mesmo nome da praia, com diversos estabelecimentos para servir aos seus moradores e turistas. Há cerca de 8 Km de extensão de praia, com 2 km reservados para a prática do naturismo. A Praia Naturista das Dunas é considerada entre as 20 melhores praias nudistas do mundo e a única brasileira nessa lista.


A AMAM trabalha junto com a comunidade local de Massarandupió para o fortalecimento da região, apoiando e incentivando a cultura e o bem-estar do seu povo, através de ações festivas, educacionais e de melhoria de infraestrutura. A sua Diretoria Colegiada é guiada pelo seguinte pensamento: “Na existência real da relação de respeito entre os seres, ditos pensantes, a natureza deve ter prioridade para não ter exposta, sua fragilidade. Consciência limpa, reflete e traduz praias, rios e ecossistemas limpos!”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A AMANAT é uma associação naturista que divulga o modo de vida em harmonia com a natureza, caracterizado pela prática da nudez social, tendo por intenção encorajar o auto-respeito, o respeito pelo próximo e o cuidado com o meio ambiente. Ela também é responsável pelo funcionamento e organização da Praia Naturista das Dunas. Seu Presidente, Ilem Oliveira, reflete sobre a participação nesses eventos: “Um dos pilares sobre o qual a AMANAT se sustenta é a Ecologia. Daí a importância de estabelecermos ações como essa, que estimulam a reflexão sobre o cuidar do nosso quintal.”


O Instituto Restinga, registrada como Associação de Pesquisas e Gestão de Ambientes Costeiros, atua no desenvolvimento socioambiental sustentável da Zona Costeira, conservando seu equilíbrio ecológico através da ciência, da sustentabilidade e da educação ambiental. O seu Diretor Geral, Emerson Araújo, afirma: “O evento Dia do Rio, promovido pela sociedade civil organizada e comunidade de Massarandupió, visa não somente ajudar a recuperar e manter esse importante corpo hídrico, que é o sustentáculo natural da vida, nessa importante área de restinga que existe nessa belíssima região, mas também é uma mensagem atemporal para os filhos dessa terra para que cuidem e preservem, esse patrimônio abençoado que é Massarandupió."


Fonte: Ascom AMAM



Commentaires


veja também

ANUNCIE.png
bottom of page